Paulo Freire e seus ideais

16 03 2009

paulo-freire2“Ensinar não apenas a ler a letra, mas ler o mundo”-é essa a base das idéias de Paulo Freire. Para ele isso era necessário para que houvesse a “libertação” do aluno, e assim se tornar um agente histórico, que seria a capacidade do aluno de acreditar que pode mudar sua própria vida, e em consequência, o mundo. Para isso, Paulo defendia a idéia da pedagogia dialógica, baseada no diálogo, deixando para trás o conceito da imposição vertical, onde o professor exerce poder sobre o aluno, e impunha a idéia do compartilhamento horizontal, onde, a partir que os alunos se tornassem conscientes, haveria uma igualdade entre o conhecimento de professores e alunos. A idéia então, quanto à aula, não era de apenas uma pessoa deter o conhecimento, e sim uma prática em que os sujeitos envolvidos possuem saberes que se completam pelo diálogo.


Ações

Information

One response

30 03 2009
Prof. Diego

Olá Pessoal!
Vocês colocaram a máxima do pensamento de P. Freire: “Ensinar não apenas a ler a letra, mas ler o mundo”. Isto é realmente importante na educação atual: é importante não apenas a escrita, mas a interpretação crítica do seu mundo.

Vocês concordam com este pensamento?

Abs,
Prof. Diego

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: